logo

18/12/2018 12:06

Alvo de diversos inquéritos, ministro corrupto de Temer sai em defesa de Bolsonaro no caso dos laranjas

0 0 0 0

Ministro de Minas e Energia de Michel Temer (MDB) e alvo de inúmeros inquéritos, Moreira Franco (MDB) saiu em defesa do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), e do filho dele, o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL/RJ), envoltos no escândalo do esquema laranja do ex-assessor Fabrício de Queiroz, que movimentou R$ 1,2 milhão suspeito, segundo o Coaf.



“Sem prova, sem observação mais apurada, já estão impondo ao presidente eleito que tenha de responder a perguntas absolutamente inconvenientes”, disse Moreira Franco, em entrevista a Vera Rosa e Tânia Monteiro, na edição desta terça-feira (18) do jornal O Estado de S.Paulo.



Para Moreira Franco, “o que não se pode é repetir com Bolsonaro o que fizeram com Temer”, em uma referência ao desgaste sofrido pelo presidente Michel Temer desde maio do ano passado, após delações do empresário Joesley Batista, da J&F.

Moreira Franco é investigado por receber propinas de mais de R$ 200 milhões ao lado de Eliseu Padilha. Ele também foi investigado pela "farra das passagens", um escândalo que envolveu mais de R$ 25 milhões. O processo foi arquivado porque ele tem mais de 70 anos de idade e nossa Justiça deixa que criminosos idosos fiquem livres.


Clique aqui para entrar no grupo de WhatsApp e receber imagens, vídeos e notícias contra Bolsonaro e o fascismo.

Clique aqui para entrar em nosso grupo de Telegram

VÍDEO: Sem apoio do mercado financeiro, congresso e nem dos militares, queda de Bolsonaro está próxima. Assista e compartilhe!



Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


5118 visitas - Fonte: Revista Fórum

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians