logo

16/6/2019 09:40

Joaquim Levy pede demissão da presidência do BNDES

0 0 0 0

Depois de ser humilhado pelo presidente Jair Bolsonaro, o economista Joaquim Levy renunciou à presidência do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) neste domingo (16).



Neste sábado (15), sem ser questionado sobre o assunto, Bolsonaro resolveu falar de Levy. Disse estar "por aqui" com o economista e que ele estava "com a cabeça a prêmio" havia algum tempo.

A irritação do presidente foi a indicação de Marcos Barbosa Pinto para a diretoria de Mercado de Capitais do banco. Ele integrou o governo do ex-presidente Lula.



A contradição está no fato de que o próprio Levy foi ministro no governo Dilma, e não qualquer ministro: ele foi o ministro da Fazenda. Isso não foi problema para Bolsonaro.

Clique aqui para entrar no grupo de WhatsApp e receber imagens, vídeos e notícias contra Bolsonaro e o fascismo.



Clique aqui para entrar em nosso grupo de Telegram

VÍDEO: Facções criminosas e milícias comemoram decisão de Toffoli sobre Flávio Bolsonaro:



Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


3525 visitas - Fonte: Brasil247

Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians