logo

20/4/2017 20:56

FHC confessa na Europa que Dilma não cometeu crime e que foi afastada por motivos políticos; CONFIRA!

Em Lisboa, onde participa de seminário de Direito a convite do ministro Gilmar Mendes, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso se permitiu ser sincero sobre a situação política do Brasil; defensor do golpe que apeou Dilma Rousseff da Presidência em 2016, FHC admitiu que Dilma caiu não por crime de responsabilidade, mas por ter perdido “condições políticas para governar”;

Culpa da “fragmentação partidária” que comanda o sistema político; por fim, sem citar Michel Temer, Fernando Henrique falou que a “legitimidade do voto” e a “popularidade” são fundamentais a qualquer governo; “Só a confiança assegura que a legitimidade do voto se mantenha e com ela condições para o poder ser exercido com a estabilidade necessária para cuidar das coisas que contam para o povo.

A popularidade é indispensável para ganhar as eleições; a credibilidade para o exercício do poder; as duas juntas, melhor”

MAIS
» Médico lista 5 feitos históricos dos governos Lula e Dilma pela saúde
» Aécio é delatado novamente e é o primeiro a ser comido pela Odebrecht

305358 visitas - Fonte: clickpolitica.com.br

Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians