logo

24/9/2020 16:09

Messer triplica patrimônio após decisão de Bretas

0 0 0 0

1716 visitas - Fonte: GGN

O juiz federal Marcelo Bretas, responsável pelos processos da Lava Jato no Rio de Janeiro, autorizou que o doleiro Dario Messer possa desfrutar de uma herança de R$ 11 milhões deixada a ele por sua mãe. Sendo assim, o acordo de colaboração premiada com o Ministério Público Federal (MPF-RJ), irá render ao delator até R$ 7,5 milhões a mais do que o anunciado pela força-tarefa do Rio.


O Uol informou que, após o acordo de delação entre com Messer e o MPF-RJ, a Lava Jato do Rio informou que o doleiro ficaria com R$ 3,5 milhões de uma conta que ele mantinha nas Bahamas, mais um apartamento de 75 metros quadrados no Leblon, avaliado em R$ 3 milhões, chegando a um total de R$ 6,5 milhões em patrimônio.

No entanto, adicionada a herança negociada pelo doleiro, o valor em sua posse soma cerca de R$ 17,5 milhões.


Segundo o MPF-RJ, o acordo de colaboração com o doleiro, garantiu a ele o acesso aos recursos da herança e que a liberação do valor foi um pedido do próprio MPF. Mas, a decisão final é de Bretas, expedida em 4 de agosto, dois dias após a força-tarefa tornar público o acerto da delação.

A decisão do juiz vai na contramão do seu próprio comportamento nas últimas semanas. Em clara contradição, Bretas bloqueou cerca de R$ 237,3 milhões em bens do advogado Cristiano Zanin.

Clique aqui para entrar no grupo de WhatsApp e receber imagens, vídeos e notícias contra Bolsonaro e o fascismo.



APOIE O PLANTÃO BRASIL - Clique aqui!

VÍDEO: CARLUXO PODE SER PRESO E JAIR ESTÁ DESESPERADO!!!



Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians