logo

15/12/2018 10:10

Eduardo Bolsonaro elogia ditador chileno que ficou 17 anos no poder, matou mais de 30 mil pessoas e diz que quer ser como ele

0 0 0 0

Em visita ao Chile para se reunir com representantes da direita, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL) avalia positivamente o regime do ex-ditador Augusto Pinochet (1915-2006), que diz ser o responsável por impedir que o Chile "se convertesse numa nova Cuba". O deputado falou também sobre sua visão política e sobre a "onda conservadora" que, afirma com orgulho, chegou para ficar na América do Sul.



Eduardo Bolsonaro disse que o Brasil já tem o seu Chicago Boy, referindo-se a Paulo Guedes, designado ministro da Economia do futuro governo de seu pai, Eduardo Bolsonaro: "Agora nós também temos nosso Chicago Boy, que é Paulo Guedes. Trinta anos depois, o Brasil vai tentar fazer o que o Chile fez nos anos 1980".



As declarações foram dadas em entrevista ao jornal La Tercera e reproduzidas no Brasil pela Folha de S.Paulo

Clique aqui para entrar no grupo de WhatsApp e receber imagens, vídeos e notícias contra Bolsonaro e o fascismo.

Clique aqui para entrar em nosso grupo de Telegram

VÍDEO: Sem apoio do mercado financeiro, congresso e nem dos militares, queda de Bolsonaro está próxima. Assista e compartilhe!



Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


6408 visitas - Fonte: Brasil247

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians