logo

18/3/2019 14:02

CNN acusa Bolsonaro de ser mandante da morte de Marielle

0 0 0 0

A CNN no Chile reforçou que a polícia do Rio "capturou dois policiais militares supostamente assassinos" da ex-vereadora Marielle Franco: Ronnie Lessa, 48, que atirou 13 vezes no veículo, e Élcio Vieira de Queiroz, 46. O canal diz haver "várias pistas que apontam para uma figura altamente conhecida: o presidente brasileiro, Jair Bolsonaro".



"O assassino vivia no mesmo condomínio que Bolsonaro. Ronnie Lessa, o ex-policial que atirou, morava no condomínio Vivendas da Barra, no bairro da Barra da Tijuca. Curiosamente, Jair Bolsonaro também tem uma casa neste condomínio, e seu filho Carlos Bolsonaro vive lá, o motorista e figura de proa de Flávio Bolsonaro, Fabrício de Queiroz, e outros conselheiros do filho primogênito do presidente", diz o texto do veículo.



A CNN também ressalta que "a filha do assassino era a namorada de um filho de Bolsonaro". "Outro antecedente que surgiu associado ao anterior é que o filho de Bolsonaro, Jair Renán, de 20 anos, era namorado da filha de Lessa, a assassina. Consultados sobre o assunto, os promotores descartaram que essa informação tivesse importância", continua. "Quem dirigia o carro tinha uma foto com o Bolsonaro", acrescenta.

Clique aqui para entrar no grupo de WhatsApp e receber imagens, vídeos e notícias contra Bolsonaro e o fascismo.



Clique aqui para entrar em nosso grupo de Telegram

VÍDEO: Guerra na direita intensifica e Bolsonaro ameaça deixar o PSL:



Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


112851 visitas - Fonte: Brasil247

Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians