logo

29/4/2020 15:27

DENÚNCIA: Prefeito, primo de Mandetta, paga RS$ 89,00 por máscara

0 0 0 0

2130 visitas - Fonte: Pleno News


Paulo Moura - 29/04/2020 09h22 | atualizado em 29/04/2020 13h24

Luiz Henrique Mandetta e Marquinhos Trad Foto: André de Abreu
Após o governo do Rio de Janeiro “exagerar” nos valores pagos por frascos de álcool em gel, agora foi a vez da Prefeitura de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, também pagar preços fora da realidade por um outro item usado durante a pandemia, as máscaras de proteção.

E o prefeito da capital sul-mato-grossense não é tão desconhecido assim, Marquinhos Trad é irmão do senador Nelsinho Trad e primo do ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. No portal da Transparência da Prefeitura, chegou a constar que Marquinhos pagou exorbitantes R$ 89 por máscara para a cidade comandada por ele.



O valor da compra apresentava o preço pago para aquisição de 28.834 máscaras da empresa Pacotão Comércio de Produtos de Higiene e Limpeza no total de R$ 2.566.226.

Posteriormente, porém, após a repercussão do caso, a Prefeitura alterou os dados que constavam no portal e declarou que o valor, na verdade, era do custo por caixa com 50 unidades do produto.


O fato é que esse não é o primeiro episódio envolvendo a família Trad com casos suspeitos na prefeitura da capital do Mato Grosso do Sul.



O próprio Mandetta já foi alvo de investigação por suposta fraude em licitação, tráfico de influência e caixa 2 em um contrato para implementar um sistema de informatização na saúde em Campo Grande, no período em que foi secretário, na gestão do outro primo, Nelsinho Trad.

Clique aqui para entrar no grupo de WhatsApp e receber imagens, vídeos e notícias contra Bolsonaro e o fascismo.



APOIE O PLANTÃO BRASIL - Clique aqui!

VÍDEO: Bolsonaro comete erro que acelera sua queda!



Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians