logo

4/8/2022 13:38

China inicia o maior exercício militar com munição real já realizado próximo a Taiwan

0 0 0 0

1449 visitas - Fonte: O Globo

A China começou nesta nesta quinta-feira o maior exercício militar com munição real já realizado próximo a Taiwan. As manobras, marcadas hoje pelo lançamento de mísseis, contam também com o uso de caças, bombardeiros e navios de guerra.


Conforme comunicado divulgado pelo Exército de Libertação Popular da China, o arsenal inclui o caça J-20, o caça J-11, o bombardeiro H-6K, o contratorpedeiro Type 052D, a corveta Type 056A e o míssil balístico de curto alcance DF-11. O Ministério da Defesa Taiwanês, porém, diz ter identificado ainda o uso de outros caças, como o Sukhoi Su-30 e o J-16.

Apelidado de "Poderoso Dragão", o J-20 foi apresentado pela primeira vez em 2016 e integrado à Força Aérea Chinesa no ano seguinte. Ele é apenas o terceiro caça de quinta geração na história, depois dos Lockheed Martin F-22 e F-35, fabricados nos Estados Unidos. A aeronave tem um compartimento de armas principal e dois laterais, capazes de abrigar mísseis de curto e longo alcance. Já o J-11 é um caça multiuso, que realiza diferentes papéis em uma mesma missão, como ataques ao solo e no ar, baseado no design do russo Sukhoi Su-27.


O bombardeiro H-6K é uma versão atualizada do H-6, baseado no design do soviético Tupolev Tu-16. A aeronave foi projetada para realizar ataques de longo alcance e também tem capacidade de ataque nuclear.

O contratorpedeiro, também conhecido como destróier, é utilizado para escoltar navios maiores e defendê-los principalmente contra submarinos e aeronaves. O Type 052D tem um radar avançado e um sistema de lançamento de mísseis vertical de longo alcance aéreo. Já a corveta Type 056A é usada principalmente em missões de combate, como patrulha e escolta de outras embarcações. O navio é equipado com canhões e lançadores de mísseis e torpedos.


O míssil balístico de curto alcance DF-11 foi desenvolvido no final dos anos 1980. A versão original alcança alvos com até 300 km de distância e pode ser lançada com menos de uma hora de preparação. De acordo com autoridades taiwanesas, 11 mísseis como esse foram disparados em águas ao norte, sul e leste da ilha.

Os exercícios começaram à 12h locais (1h no Brasil) e vão durar até as 12h de domingo (13h no Brasil), segundo a emissora estatal CCTV. Eles foram anunciados há dois dias, em represália à visita da presidente da Câmara dos EUA, Nancy Pelosi, o que a China considerou uma violação da sua soberania e um estímulo à independência da ilha.


As autoridades taiwanesas chamaram as ações de "irracionais" e de "ameaça à paz". Elas disseram que estão monitorando de perto os exercícios militares da China e que suas forças estão se preparando para um conflito, mas não vão tomar a iniciativa.

Plantão Brasil foi criado e idealizado por THIAGO DOS REIS. Apoie-nos (e contacte-nos) via PIX: apoie@plantaobrasil.net

Clique aqui para entrar no grupo de WhatsApp e receber imagens, vídeos e notícias contra Bolsonaro e o fascismo.



APOIE O PLANTÃO BRASIL - Clique aqui!

VÍDEO: CPI DO CAPITÓLIO NOS EUA!! EDUARDO B0LSONARO NA MIRA:



Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians