logo

13/1/2020 13:36

Bolsonaro esteve a ponto de demitir Moro, mas general Heleno interveio

0 0 0 0

5622 visitas - Fonte: conversa afiada

do CONVERSA AFIADA: https://www.conversaafiada.com.br/brasil/bolsonaro-esteve-a-ponto-de-demitir-moro-mas-heleno-interveio

Jair Bolsonaro decidiu demitir o ministro da Justiça, Sergio Moro, em agosto de 2019, após o ex-juiz (sic) criticar a decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, sobre o Coaf, que acabou por proteger o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ). A informação, que consta do livro "Tormenta – O governo Bolsonaro: crises, intrigas e segredos”, da jornalista Thaís Oyama, foi compartilhada por Guilherme Amado, da revista Época.



De acordo com o livro, o presidente ficou irritado ao saber que Moro havia pedido a Dias Toffoli que reconsiderasse a decisão que paralisou investigações baseadas em informações do Coaf - entre elas, o caso Queiroz, que envolve Flávio Bolsonaro em seus tempos de deputado estadual na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

No fim de agosto, porém, o chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, convenceu Bolsonaro a manter Moro no Ministério.



“Se demitir o Moro, o seu governo acaba”, disse Heleno, segundo a jornalista.

Clique aqui para entrar no grupo de WhatsApp e receber imagens, vídeos e notícias contra Bolsonaro e o fascismo.



APOIE O PLANTÃO BRASIL - Clique aqui!

VÍDEO: CARLUXO PODE SER PRESO E JAIR ESTÁ DESESPERADO!!!



Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians