logo

23/1/2020 18:05

’Quero que me apontem qual medida Moro tomou’, diz Alberto Fraga, cotado para eventual Ministério de Segurança Pública

0 0 0 0

1425 visitas - Fonte: O Globo

Cotado para assumir o Ministério da Segurança Pública que o presidente JairBolsonaro cogita recriar, o ex-deputado federal AlbertoFraga (DEM-DF) se diz lisonjeado com a ideia, mas nega ter conversado recentemente com o presidente sobre o assunto. Fraga defendeu o desmembramento do ministério de Sergio Moro — hoje Justiça e Segurança Pública — para dar mais prioridade à pauta da segurança e desvinculou as ações tomadas pelo ex-juiz da Lava-Jato na redução dos índices de criminalidade em 2019.



Questionado se aceitaria o cargo caso Bolsonaro o convidasse, Fraga disse "não fazer a menor ideia", e que teria de conversar com o presidente antes. O ex-deputado aproveitou para provocar Moro quando respondeu por que acha que seu nome foi cogitado para a pasta.




— Eu sou autor de 15 projetos de lei em relação à segurança pública, sempre trabalhei na comissão da segurança. Sou coronel da Polícia Militar da reserva e não sou o dono da verdade. Vou vivendo e aprendendo coisas novas no dia a dia. Como é que alguém vem e intitula alguém que é juiz como o bambambam? Não, isso está errado.

Fraga minimizou a atuação de Moro à frente da pasta.

— Quero que você me aponte qual foi a medida que ele (Moro) adotou (para a redução da criminalidade) — disse Fraga, antes de listar duas medidas do Ministério da Justiça e Segurança Pública que, segundo ele, não tiveram relação direta com a queda dos crimes no país.

Clique aqui para entrar no grupo de WhatsApp e receber imagens, vídeos e notícias contra Bolsonaro e o fascismo.



APOIE O PLANTÃO BRASIL - Clique aqui!

VÍDEO: CARLUXO PODE SER PRESO E JAIR ESTÁ DESESPERADO!!!



Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians