Suicídios entre PMs de São Paulo aumentam 30% no primeiro ano de Tarcísio

Portal Plantão Brasil
13/6/2024 11:34

Suicídios entre PMs de São Paulo aumentam 30% no primeiro ano de Tarcísio

0 0 0 0

301 visitas - Fonte: Plantão Brasil

O número de suicídios entre policiais militares de São Paulo atingiu um recorde no primeiro ano da administração do governador Tarcísio de Freitas (Republicanos). Segundo a Folha de S. Paulo, em 2023 foram registrados 43 casos, um aumento de 30% em relação aos 33 de 2022 e quase o dobro dos 22 ocorridos em 2015.

Os dados abrangem policiais ativos e aposentados que ainda são monitorados pela corporação. Os 43 suicídios registrados em 2023 superam o número de policiais mortos em serviço, fora de serviço e aposentados assassinados, que somaram 31 casos no mesmo ano.

Desde 2015, foram registrados 261 suicídios entre policiais militares, com 90% das vítimas sendo praças, como soldados, cabos e sargentos. Do total, 65% estavam na ativa e 35% eram aposentados. Apesar da redução no efetivo policial de 89.483 em 2015 para 79.045 em 2023, o número de suicídios aumentou, enquanto os casos de policiais assassinados caíram de 64 em 2015 para 31 em 2023.

A taxa de suicídios entre policiais militares em São Paulo é de 4 por 10 mil, o dobro da média nacional de 1,97 por 10 mil, conforme dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública de 2022. Esta taxa também é superior à de países como Estados Unidos (2 por 10 mil) e Inglaterra (1 por 10 mil).

O governo de São Paulo, através da Secretaria da Segurança Pública, afirma que mantém programas de suporte ao bem-estar e atendimento psicológico, como o Sistema de Saúde Mental (SISMen). Este sistema oferece atendimento psicossocial na capital e em 41 Núcleos de Atenção Psicossocial em todo o estado.

Oficiais apontam várias razões para o aumento dos suicídios, incluindo a falta de períodos de lazer e descanso, já que muitos policiais utilizam suas folgas para trabalhos extras. Isso resulta em cansaço excessivo e problemas familiares, agravando a saúde mental. Além disso, há relatos de que os programas de recuperação mental foram alterados, com períodos de afastamento muito curtos após situações de alto estresse.

Com informações do Brasil 247

Plantão Brasil foi criado e idealizado por THIAGO DOS REIS. Apoie-nos (e contacte-nos) via PIX: apoie@plantaobrasil.net



APOIE O PLANTÃO BRASIL - Clique aqui!

Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians