PGR tem 15 dias para decidir se denuncia Bolsonaro pelo roubo de joias

Portal Plantão Brasil
9/7/2024 14:15

PGR tem 15 dias para decidir se denuncia Bolsonaro pelo roubo de joias

0 0 0 0

478 visitas - Fonte: PlantãoBrasil

Nesta segunda-feira (8), o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes retirou o sigilo do inquérito das joias sauditas, que apura o suposto roubo dos itens do acervo presidencial por Jair Bolsonaro (PL) e seus ex-assessores. O documento foi encaminhado à Procuradoria-Geral da República (PGR), que tem o prazo de 15 dias para análise, podendo solicitar mais provas, arquivar o caso ou apresentar denúncia contra os indiciados.

No último dia 4, a Polícia Federal indiciou Bolsonaro e outras 11 pessoas por associação criminosa, lavagem de dinheiro e apropriação de bens públicos. A investigação identificou que três conjuntos de bens foram recebidos pelo ex-mandatário, totalizando um valor de US$ 1.227.725,12 (aproximadamente R$ 6.826.151,66). Caso condenado, Bolsonaro pode pegar entre 10 e 32 anos de reclusão pelos crimes.

Em entrevista ao programa CNN Arena, exibido nesta segunda-feira (8), o deputado Eduardo Bolsonaro (PL-SP) afirmou que "estão tentando transformar um presente em um caso de corrupção" e que seu pai sofre "perseguição". A defesa de Jair Bolsonaro emitiu uma nota esclarecendo que os presentes ofertados à Presidência seguem um rígido protocolo de tratamento e catalogação, e que o ex-presidente não teria ingerência sobre esses processos. A defesa também criticou a condução do inquérito e a competência do STF para julgar o caso.

A investigação revelou que o general Mauro Lourena Cid, pai do tenente-coronel Mauro Cid, ex-ajudante de ordens do ex-mandatário, teria repassado US$ 25 mil em espécie a Bolsonaro. Em mensagens interceptadas pela PF, Cid expressou receio em usar o sistema bancário formal para transferir o dinheiro, sugerindo entregá-lo em mãos por meio de seu pai. Uma conversa de WhatsApp entre Bolsonaro e Mauro Cid mostrou que o ex-presidente foi informado sobre o leilão de um "Kit Ouro Rosé", parte do acervo de presentes presidenciais. Na conversa, Bolsonaro respondeu com o jargão "selva" após ser informado sobre o leilão.

Em nota, a defesa de Bolsonaro argumentou que todos os ex-presidentes tiveram seus presentes analisados e catalogados pelo Gabinete Adjunto de Documentação Histórica (GADH) e que a investigação contra Bolsonaro seria “estranhamente” direcionada apenas ao seu governo.

O Partido Liberal (PL) também emitiu uma nota afirmando desconhecimento sobre qualquer kit de joias supostamente levado à sede do partido e reiterou seu compromisso com a transparência e a ética, além de manifestar confiança na inocência de Bolsonaro.

Com informações da CNN Brasil

Plantão Brasil foi criado e idealizado por THIAGO DOS REIS. Apoie-nos (e contacte-nos) via PIX: apoie@plantaobrasil.net



APOIE O PLANTÃO BRASIL - Clique aqui!

Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians